Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.inpa.gov.br/handle/1/12605
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAdams, David Kenton-
dc.contributor.authorRocha, Antônio Alciélio Amorim da-
dc.date.accessioned2020-02-17T20:25:36Z-
dc.date.available2020-02-17T20:25:36Z-
dc.date.issued2010-03-29-
dc.identifier.urihttps://repositorio.inpa.gov.br/handle/1/12605-
dc.description.abstractThis work represents an exploratory study of the relationship between the vertical distribution of water vapor and deep atmospheric convection in the Amazon region. A climatology of the water vapor profile is developed for a ten-year period of record to examine variation between wet, dry and the transitional seasons. In addition, a climatology is developed to analyze the activation and suppression of deep convection with respect to the vertical profile of water vapor. Data utilized to develop this climatology include, radiosondes, water vapor retrievals using GPS radio-occultation techniques and water vapor retrievals from the AQUA satellite. Results show that water vapor homogeneity over the Amazon region extends to almost 400 km. The seasonal controls on convective rainfall (i.e., wet versus dry season) are strongly modulated by humidity variability in the 850 to 500mb layer. Convective events, however, are strongly modulated by the total water vapor found in the 850 to 700mb level. Comparison with thermodynamic instability argues for the dominance of total water vapor content in determining when deep convection occurs, not instability.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherInstituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - INPApt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectAmazôniapt_BR
dc.titleA relação do perfil vertical do vapor d água com a convecção profunda na Amazôniapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.co-advisorSouza, Rodrigo Augusto Ferreira de-
dc.identifier.author-latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4242544H6pt_BR
dc.publisher.programClima e Ambiente - CLIAMBpt_BR
dc.description.resumoNeste estudo procurou-se representar a relação entre a distribuição vertical de vapor d'água e a convecção atmosférica profunda sobre a região amazônica. Foi desenvolvida uma climatologia sobre o perfil do vapor d'água baseado em dados de sondagem num período de 10 anos, cujo foco foi examinar a variação de umidade entre as estações úmida, seca e os respectivos períodos de transição. Além disso, um estudo climatológico foi desenvolvido para analisar a ativação ou a supressão da convecção profunda, com relação ao perfil vertical do vapor d'água. Os dados utilizados no desenvolvimento desta climatologia incluíram perfis de radiossondas, inferência de vapor d'água pela técnica de radio ocultação GPS e por satélite, através do AQUA. Os resultados mostraram que a homogeneidade do vapor d'água sobre a região amazônica se estende por um raio de quase 400 km. O controle sazonal das chuvas convectivas (isto é, estação úmida versus estação seca) é fortemente modulado pela variabilidade do campo de umidade da camada compreendida entre 850 e 500 mb. No entanto, os eventos convectivos são fortemente modulados pelo vapor d'água total encontrado no nível compreendido entre 850 e 700 mb. Numa comparação com a instabilidade termodinâmica, discutiu-se o domínio do vapor d'água em determinar quando acontece a convecção profunda, e, não da instabilidade, como se poderia pensar inicialmente.pt_BR
Appears in Collections:Mestrado - Cliamb

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Antônio Alciélio Amorim.pdf1,98 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons