Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.inpa.gov.br/handle/1/37488
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorFeldberg, Eliana-
dc.contributor.authorValentim, Francisco Carlos de Souza-
dc.date.accessioned2021-04-16T13:47:14Z-
dc.date.available2021-04-16T13:47:14Z-
dc.date.issued2011-02-16-
dc.identifier.urihttps://repositorio.inpa.gov.br/handle/1/37488-
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherInstituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - INPApt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectArraiapt_BR
dc.subjectCitogenéticapt_BR
dc.subjectCromossomos sexuaispt_BR
dc.titleCitotaxonomia de arraias de água doce (Myliobatiformes, Potamotrygonidae) da bacia Amazônica centralpor
dc.typeTesept_BR
dc.identifier.author-latteshttp://lattes.cnpq.br/8580199908982215pt_BR
dc.publisher.programGenética, Conservação e Biologia Evolutiva - GCBEvpt_BR
dc.description.resumoA família Potamotrygonidae, ordem Myliobatiformes abriga todas as espécies de arraias de água doce neotropical. Pouco ainda se conhece a respeito deste grupo de peixes, por exemplo, o número de espécies é incerto, alguns nomes ainda são duvidosos, como ocorreu sua diversificação em água doce, qual o grupo irmão marinho. Estudos citogenéticos são ainda incipientes nesta família. Com o objetivo de ampliar o conhecimento neste grupo de peixes, de grande interesse na aquariofília e com indicativos de sobrepesca, foram analisadas, citogeneticamente, sete espécies nominais: Plesiotrygon iwamae (2n=74, NF=120), Potamotrygon sp. C (cururu) (2n=67♂/68♀, NF=104/106), com sistema de determinação do sexo XX/X0, Potamotrygon scobina (2n=66, NF=102), Potamotrygon cf. scobina (2n=66, NF=101), ambas com provável sistema de determinação de sexo XX/XY, Potamotrygon constellata (2n=66, NF=110), Potamotrygon leopoldi (2n=64, NF=102), Potamotrygon orbignyi (2n=66, NF=106), confirmando a presença do sistema XX/XY e Potamotrygon motoro de diferentes localidades da bacia amazônica central. Entre os espécimes de Potamotrygon sp. foi identificado um exemplar fêmea distinto, que apresentou o mesmo número diploide (2n=68) de Potamotrygon sp. C, mas com morfologia e fórmula cariotípica diferenciadas podendo, portanto, representar mais uma espécie a ser reconhecida e descrita neste táxon, provisoriamente denominada Potamotrygon sp. C1. Entretanto, a ocorrência do sistema XX/XO pode, por ora, ser caracterizado apenas em Potamotrygon sp. C. Todas as espécies têm regiões organizadoras de nucléolo múltiplas, com número variando de 4 a 8, as quais porém, nem sempre estiveram todas ativas. Estas regiões encontram-se preferencialmente localizadas na região terminal dos braços longos dos cromossomos, exceto um par presente em P. constellata que se localizou nos braços curtos. A heterocromatina constitutiva, encontra-se localizada na complemento, região em centromérica todas as de espécies. todos os cromossomos Rearranjos do cromossômicos, principalmente os do tipo fusão e/ou fissão, inversões e translocações, foram mecanismos determinantes da evolução cariotípica das arraias de água doce, podendo estar implicados nos processos de especiação desse grupo.pt_BR
Appears in Collections:Doutorado - GCBEv

Files in This Item:
File SizeFormat 
TESE_Francisco_Carlos_de_Souza_Valentim.pdf2,54 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons