Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.inpa.gov.br/handle/123/3530
Título: Eficiência no uso dos nutrientes por espécies pioneiras crescidas em pastagens degradadas na Amazônia central
Autor(es): Carlos Eduardo Moura Silva
Ted R. Feldpausch
Flávio Jesus Luizão
Ronaldo Ribeiro de Morais
Glaudecir de Oliveira Ribeiro
José Francisco de Carvalho Gonçalves
Assunto: Amazônia Central
Área degradada
Metabolismo do carbono
ISSN: 0044-5967
Revista: Acta Amazonica
Volume: 36
Resumo: Nas últimas décadas, considerável parcela da floresta amazônica tem sido transformada em pastagens que, em função da baixa fertilidade natural dos solos e do manejo deficiente, decrescem rapidamente em produtividade e são abandonadas, dando lugar a uma sucessão secundária arbórea adaptada à baixa disponibilidade de nutrientes. O objetivo deste estudo foi obter informações sobre a eficiência no uso dos nutrientes por espécies arbóreas freqüentes nesses ambientes degradados, após calagem e aplicação de fosfato. O experimento realizado numa área de sucessão secundária com seis anos de idade, consistiu na aplicação de quatro tratamentos: controle; aplicação de fósforo (P); aplicação de fósforo e calcário (P+Cal); e aplicação de fósforo, calcário e gesso (P+Cal+G). As determinações das taxas de fotossíntese, bem como as coletas de amostras de solo e de folhas foram realizadas oito meses após a aplicação dos tratamentos. A aplicação do corretivo e do fosfato favoreceu o desempenho das espécies nos tratamentos P+Cal e P+Cal+G. Bellucia grossularioides acumulou mais N, P e Zn, enquanto que Laetia procera acumulou mais Ca e Mn. Vismia japurensis foi a espécie mais eficiente no uso dos nutrientes, em função dos altos valores da taxa fotossintética; apresentou baixos teores foliares de P quando comparada com Bellucia grossularioides, sugerindo ser uma espécie bem adaptada a ambientes com baixa disponibilidade de nutrientes, como ocorre em áreas degradadas na Amazônia.
URI: http://repositorio.inpa.gov.br/handle/123/3530
ISSN: 0044-5967
DOI: https://dx.doi.org/10.1590/s0044-59672006000400011
Aparece nas coleções:Coordenação de Dinâmica Ambiental (CDAM)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
eficiencia.pdf615,35 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons