Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.inpa.gov.br/handle/123/4564
Título: UTILIZACAO DE CUPINZEIRO E ESTERCO DE GALINHA COMO ADUBO EM ALFACE EM UM PODZOLICO VERMELHO AMARELO PERTO DE MANAUS, AM
Autor(es): W.O. PAIVA
Luiz Antonio de Oliveira
Assunto: ADUBACAO ORGANICA
Fertilidade do solo
NUTRICAO DE PLANTAS
ISSN: -
Revista: Acta Amazonica
Volume: 15
Resumo: O pequeno agricultor de terra firme da Amazônia tem dificuldades em produzir hortaliças para seu próprio consumo ou para comercialização uma vez que os solos locais são de baixa fertilidade e os preços dos adubos minerais são elevados. Com o objetivo de proporcionar novas alternativas para estes agricultores, foi realizado um experimento de campo com alface num Podzólico Vermelho Amarelo da região de Manaus. Utilizaram-se esterco de galinha, adubação química básica (N,P,K) e cupinzeiro (gênero Nasutiermes, o mais comum na região) como adubos. A aplicação de 50 ou lOOg de cupinzeiro por cova com ou sem a adição de esterco (530g/cova) resultou em alface de melhor qualidade comercial, maior peso das plantas e menor número de folhas refugadas em relação ao tratamento testemunha. A utilização da adubação mineral (N, P, K) junto com o esterco de galinha não favoreceu o desenvolvimento das plantas, embora este, ao ser colocado sozinho ou com cupinzeiro tenha resultado em maior desenvolvimento das plantas. Conclui-se portanto, que a adubação feita com esterco de galinha, cupinzeiro ou com a mistura dos dois são alternativas viáveis para produzir alface neste solo.
URI: http://repositorio.inpa.gov.br/handle/123/4564
ISSN: -
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1809-43921985152018
Local de publicação: Brasil
Aparece nas coleções:Coordenação de Tecnologia e Inovação (COTI)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
utilizacao.pdf228,58 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons