Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.inpa.gov.br/handle/123/5388
Título: Resposta da aceroleira a adubação orgânica, química e foliar num Latossolo da Amazônia Central
Autor(es): Thana Esashika
FRANCISCO WESEN MOREIRA
Luiz Antonio de Oliveira
Assunto: Fertilidade do solo
nutrição de plantas
Produtividade vegetal
ISSN: 0871-018X
Revista: Revista de Ciências Agrárias (Lisboa)
Volume: 36
Resumo: Nos solos de baixa fertilidade da terra firme da Amazônia, a deficiência de nutrientes limita a produtividade das plantas, afetando economicamente os produtores rurais regionais. Uma das espécies cultivadas por esses produtores é a aceroleira (Malphigia punicifolia L.). Sendo assim, o presente estudo teve como objetivo avaliar a resposta das plantas de acerola por meio dos teores foliares de macro (Ca, Mg, P, K e N) e micronutrientes (Fe, Mn e Zn), num experimento conduzido na Comunidade do Brasileirinho, localizado na periferia do município de Manaus-AM. O delineamento utilizado foi em blocos casualizados, em esquema fatorial de parcela subdividida 3 x 9 (três épocas de colheita e nove tratamentos, com cinco repetições). Os tratamentos constituíram de adubação orgânica (1L de esterco de galinha), adubação química, combinação de adubação química e foliar e somente adubação foliar. Os resultados demonstraram que as plantas que receberam adubação química apresentaram os maiores teores de Ca, Mg, P, K e N. Já as plantas que receberam adubação foliar apresentaram os maiores teores de Fe, Mn e Zn.
URI: http://repositorio.inpa.gov.br/handle/123/5388
ISSN: 0871-018X
Aparece nas coleções:Coordenação de Tecnologia e Inovação (COTI)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
resposta.pdf846,63 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons