Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.inpa.gov.br/handle/123/8520
Título: O período da contaminação com petróleo influencia a rebrota de Echinochloa polystachya (H.B.K.) Hitchcock em solo de várzea da Amazônia Central?
Autor(es): Aline Lopes
Maria Teresa Fernandez Piedade
ISSN: 1676-0603
Revista: Biota Neotropica (Ed. Portuguesa)
Volume: 10
Resumo: Diversos fatores podem influenciar o impacto do petróleo no meio ambiente. No entanto, embora seja sabido que o efeito dos poluentes pode mudar ao longo do ano de acordo com as variações sazonais em parâmetros ambientais, esse efeito é pobremente estudado na região tropical. Foi estudado o efeito do petróleo de Urucu sobre o rebrotamento e crescimento de Echinochloa polystachya durante 63 dias, em plantios estabelecidos em casa de vegetação em dois períodos do ano, "A" (julho a setembro) e "B" (setembro a novembro). Os propágulos foram plantados em frascos com 2 L de solo contaminado pela mistura de 6 dosagens de petróleo, distribuídas entre 0 e 0,231 L óleo m-2 de solo. Em resposta ao aumento da dosagem do petróleo houve diminuição da biomassa total, da biomassa aérea viva/total, da biomassa aérea, do comprimento das folhas e do número de folhas. O período de plantio influenciou a resposta das plantas à dosagem aplicada o que foi positivamente correlacionado a alterações climáticas, com efeitos negativos acentuados no período "B", de temperaturas mais elevadas. Pode-se concluir que o período de exposição influencia a propagação vegetativa e crescimento das plantas jovens, sendo um derrame no período de temperaturas mais altas mais prejudicial para essa espécie.
URI: http://repositorio.inpa.gov.br/handle/123/8520
ISSN: 1676-0603
DOI: https://dx.doi.org/10.1590/S1676-06032010000400019
Aparece nas coleções:Coordenação de Dinâmica Ambiental (CDAM)

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons